Publicidade

 

 
 13/09/2018    7:36hs

Árbitro sofre fraturas no crânio após levar chute de atleta

Agressão foi durante final da segunda divisão do Campeonato Acriano de Futsal

Uma partida de futsal no Acre terminou em agressão grave de um atleta ao árbitro Marcos Nogueira Morais, que levou um chute no rosto quando estava caído no chão. Ele sofreu duas lesões no crânio, passou a noite internado e agora espera a perícia de um exame do corpo de delito para dar entrada na Justiça.

Publicidade

 
Exame mostra lesões no crânio do arbitro agredido

O árbitro apitava a final da segunda divisão do Campeonato Acreano de Futsal, na última terça-feira (11), quando o jogador Alcione se irritou e avançou em sua direção. O juiz levou uma cabeçada e caiu no chão, sendo atingido no rosto por um chute forte. Segundo relato de seu advogado, Marcos Nogueira teria dito em depoimento que o agressor reclamava de uma falta não marcada segundos antes.

O árbitro foi atendido no próprio ginásio Álvaro Dantas, em Rio Branco-AC, e encaminhado a uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) para análise preliminar da agressão. De acordo com o advogado Fábio Santos de Santana, os exames realizados não mostraram com clareza a gravidade da lesão. Teria sido por esta razão que, na delegacia, o caso foi tratado como lesão corporal leve.

Crédito: Arquivo pessoal  

O agressor, Alcione Marcelino dos Santos, assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência na

Delegacia Especializada de Flagrantes e foi liberado. Já a vítima teve que retornar a uma unidade de pronto socorro devido ao aspecto da lesão.

Na volta ao hospital, ainda segundo seu advogado, foram constatadas uma fratura na altura da testa e uma lesão menor embaixo do olho esquerdo. O árbitro passou a noite sob observação e na manhã da última quarta (12) esteve no IML para o exame do corpo de delito — o resultado deve demorar até três semanas.

A primeira audiência do caso está marcada para a manhã do próximo dia 26, no Juizado Especial Criminal (Jecrim) de Rio Branco. O advogado do árbitro, no entanto, avisa que o caso seguirá em frente. "Não vamos fazer acordo na primeira audiência, porque o laudo [do exame do corpo de delito] não está pronto. Quando estiver, vamos entrar com um pedido para transferir o processo para a Justiça comum", afirma Fábio Santos de Santana.

Árbitro Marcos Nogueira ficou com hematoma na testa após a agressão

 
 

Em repúdio ao ocorrido, o Sindicato dos Árbitros de Futebol do Acre emitiu uma nota oficial classificando a atitude de Alcione como "covarde", sendo "tão forte que causou uma grave lesão no crânio do árbitro".

Na quadra, o Fluminense da Bahia venceu o Atlético Brasileense (time de Alcione) por 6 a 4. O jogo terminou após a agressão sofrida pelo árbitro.

Fonte: Uolesportes

Apitonacional, compromisso só com a verdade!

 

Publicidade

 

Copyright © 2009     -     www.apitonacional.com.br ® Todos os direitos reservados