Publicidade

 

 
 01/03/2017    23:17hs

Assistente acriana é homenageada com bolo 'especial'

Verônica Severino posa com o bolo estilizado feito pela mãe em homenagem aos 27 anos completados no mês de março

A assistente de arbitragem Verônica Severino (foto), que completou 27 anos no dia 11 de março, recebeu uma homenagem especial da mãe nesta sexta-feira (31), durante a comemoração dos aniversariantes do mês no Sindicato dos Árbitros de Futebol do Acre (Sindafac). Um bolo estilizado em formato de camisa de árbitro, com direito a logo do sindicato, cartões amarelo e vermelho e apito.

Verônica demonstrou felicidade pela dedicação da mãe e, através de uma rede social, divulgou uma foto com o presente recebido. Trabalhando desde 2013 como auxiliar de arbitragem, ela é estudante de biologia e explica que a escolha pela arbitragem foi influenciada por ver, durante a infância, o avô atuar como árbitro.

“Gosto muito de biologia, aí escolhi esse curso para dar aula. A arbitragem é porque está no sangue mesmo. O meu avô tinha um time e ele era o árbitro. Cresci vendo meu avô sendo árbitro e gostei mais da arbitragem do que de jogar futebol” – diz ela.

Publicidade

Verônica destaca que não pretende atuar como árbitra central e revela os objetivos para a carreira como assistente. Ela atualmente trabalha em competições femininas organizadas pela CBF, além de jogos do Campeonato Acreano masculino e feminino.

“Quando a gente faz o curso (de arbitragem), se identifica mais com uma área. Eu até tive uma experiência de tentar apitar e tudo, mas não deu certo. Quero ser só assistente mesmo. A gente sempre quer chegar a algo mais. Meu propósito é passar no teste da CBF para fazer jogos do masculino de Copa do Brasil, competições assim. Mas ainda não consegui este ano. No ano que vem, se Deus quiser, vou tentar de novo” – encerra Verônica.

Fonte: GE

Apitonacional, compromisso só com a verdade!

 

Publicidade

 

Copyright © 2009     -     www.apitonacional.com.br ® Todos os direitos reservados