Rapidinhas do Apito

 

 

 

 

 Comissão desfeita

 

23/04/2017 - A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) extinguiu a comissão de análise e avaliação técnica dos árbitros de futebol. A comissão foi criada em agosto de 2016 para analisar, rodada a rodada, as atuações dos árbitros no Brasileirão e criar um ranking.

Também eram atribuições desta comissão definir premiações como sanções aos árbitros que cometiam erros nas partidas e estabelecer um programa de reciclagem junto à Escola Nacional de Árbitros de Futebol (ENAF) para que estes juízes aperfeiçoem seus conhecimentos.

A alegação oficial  é que o sistema de avaliação para este ano será diferente, mas nos bastidores comenta-se que apesar do pouco tempo, a entidade descobriu a inutilidade do grupo de notáveis que, segundo informações, sequer compareciam na sede para dar expediente.

Comandada pelo ex-árbitro português Vitor Pereira - dirigente que geriu os destinos da arbitragem portuguesa - entre 2007 e 2011 na Comissão de Arbitragem da Liga e, entre 2011 e julho deste ano, no Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa - a comissão independente ainda tinha como integrantes o ex-árbitro José Roberto Wright, agora na Escola Nacional de Arbitragem, e Claudio Vinícius Cerdeira, na comissão de arbitragem da CBF.

Pereira não teve seu contrato revalidado, o compromisso anterior foi valido entre primeiro de agosto a oito de dezembro. O português nem chegou a desfazer suas malas e já retornou a Lisboa, sua terra natal para onde regressou no final do brasileirão do ano passado.

Publicidade

 
 Cinegrafistas
  08/04/2017 - A diretoria do Vilhena Esporte Clube (VEC) reclama que erros de arbitragem vem prejudicando o clube e por causa disso, contratou dois cinegrafistas para gravar os jogos do time. Com a nova atitude, o Lobo do Cerrado pretende apresentar as possíveis falhas a comissão de arbitragem e ao Tribunal de Justiça Desportiva (TJD).

"A gente está se sentindo lesado pela arbitragem. Agora com este recurso (imagens) queremos mostrar claramente esses erros" – afirmou o diretor de futebol do VEC, Nilson Gonçalves de Abreu.

De acordo com a direção do time, as imagens vão monitorar tanto o trabalho dos árbitros como os dos assistentes, e devem contribuir para o a qualidade do futebol rondoniense. Já o presidente da comissão de arbitragem da Federação de Rondônia, Almir Belarmino, afirma que os profissionais sempre tentam fazer o melhor trabalho.

"Os árbitros são seres humanos e podem errar. É um direito dele reclamar e buscar soluções. Nesses casos, a gravação deve ser na íntegra e entregue a comissão de arbitragem da federação, que irá dar um parecer se é ou não necessário ir para o Tribunal. Já na comissão é avaliada a conduta do árbitro, e caso seja preciso, ele pode ser afastado e encaminhado para treinamento" – explica Belarmino.

 
Curso de árbitro futebol americano
 

01/04/2017 - Nos dias 8 e 9 de abril, das 8:00 as 12:00hs e das 14:00 as 18:00hs, será realizado o 1º Curso de Arbitragem de Futebol Americano em Boa Vista-RR. As inscrições estão abertas e qualquer pessoa pode participar. O evento será realizado no Instituto Federal de Roraima (IFRR) localizado na Avenida Glaycon de Paiva, 2496, Pricumã, Boa vista/RR.

A capacitação, que contará com 16hs aulas (2 dias) divididas em conteúdo teórico e prático, ficará a cargo de Alan Sampaio, árbitro da Confederação Brasileira de Futebol Americano. Ao final, os participantes receberão um certificado assinado por Sampaio e um profissional de educação física. O valor do curso será de R$ 25,00 até o dia 7 e R$ 30 reais a partir do dia 8/04.

Os interessados devem entrar em contato no telefone (95) 99129:3935 - 99168:2529 - 98401:2324 ou pela página do Boa Vista Falcons, time de futebol americano no facebook.

 
Arbitragem das quartas de final do paulista
 

30/03/2017 - A Federação Paulista de Futebol divulgou nesta quinta-feira (30) os árbitros dos jogos de ida das quartas de final do Campeonato Paulista. Salim Freire Chave apitará Ponte Preta x Santos, Flávio Rodrigues de Souza comanda Botafogo x Corinthians, já Leandro Bizzio Marinho comanda Linense x São Paulo e Luiz Flávio de Oliveira apitará Novorizontino x Palmeiras no fechamento da rodada.

Santos e Ponte Preta abrem a fase em Campinas às 16h do sábado (1), mesmo dia em que o Corinthians vai a campo contra o Botafogo, em Ribeirão Preto, às 18h30. O Tricolor pega o Linense no Morumbi às 16h de domingo (2), mesmo dia em que o Verdão vai a Novo Horizonte para pegar o Novorizontino, às 19h.

 
Afastados
 

07/03/2017 - O erro do árbitro Luiz Flávio de Oliveira no jogo entre São Paulo e Santo André, domingo passado (5), quando validou um gol de mão do são-paulino Luiz Araújo, não passou impune. Luiz Flávio e o assistente Leandro Matos Feitosa foram afastados pela Federação Paulista de Futebol nesta terça-feira (07/03).

A entidade não determinou o período que a dupla ficará fora da escala do Paulistão, mas ficou acertado que eles passarão por uma requalificação técnica - já que foram mal avaliados nesse quesito.

No jogo do último domingo, em que o São Paulo goleou a equipe do ABC por 4 a 1, o assistente deixou de assinalar impedimento claro de Cícero no primeiro gol da partida. Depois, já na reta final do jogo, Luiz Flávio não anulou gol de Luiz Araújo, de novo do Tricolor, depois de o atacante empurrar a bola para as redes com o braço.

 
Não tem árbitro!!!
 

04/03/2017 - Apesar de ter 200 árbitros disponíveis no quadro divididos em quatro níveis (avançado, intermediário, básico e acesso), a Comissão de Arbitragem da Federação Paulista de Futebol (FPF) comandada pelo ‘odiado’ Dionísio Domingos, inexplicavelmente insiste em repetir alguns nomes. Neste caso não se pode usar a qualidade técnica como desculpa para a insistência.

Neste final de semana será disputa a sétima rodada do Paulistão e Leandro Bizzio Marinho completa cinco escalas, três delas envolvendo os quatro grandes do estado. Apitou o primeiro clássico do ano (Santos 1x3 São Paulo), apitou jogo do Palmeiras contra a Ferroviária e apita hoje o clássico entre Corinthians e Santos no Itaquerão. No ano passado, em baixa, atuou somente em quatro partidas durante todo o campeonato sendo que só uma delas de time grande (Água Santa 4x1 Palmeiras).

Para piorar o quadro, o quarto árbitro do clássico será Vinicius Furlan que atuou ontem, sexta-feira, na partida Red Bull 1x3 Palmeiras e caso aconteça alguma fatalidade como uma contusão com o árbitro central, poderá ter que atuar em duas partidas em menos de 24hs.

Bizzio tem 38 anos (26/09/1978), desses, mais de uma década como árbitro (formado em 2004) sem notoriedade. Apesar de sempre ter as oportunidades e não aproveitar pela baixa qualidade técnica dentro de campo, faz parte do grupo ‘reborréia*. Tem como maior polêmica a assinatura em uma lista de presença de uma assembleia do sindicato dos árbitros de São Paulo mesmo estando a mais de dois mil quilômetros de distancia (Salvador/BA) no dia da reunião (leia).

*Reborréia é como o presidente do sindicato dos árbitros de São Paulo chama os árbitros paulistas sem expressão ou baixa qualidade.

 

 
Cartão verde
 

24/02/2017 - O estímulo simbólico ao jogo limpo será mostrado pelo árbitro e anotado na súmula. Na última edição, o torneio contava com a premiação ao fair play, mas ela era oferecida pelos comentaristas do Esporte Interativo, emissora com direitos televisivos da Copa Verde.

Segundo a CBF, a medida foi aprovada pela Fifa e os árbitros já foram instruídos de como proceder com o novo cartão. Após disputa de dois confrontos preliminares, a primeira fase da Copa Verde terá início no dia 5 de março.

 
Curso de árbitros
 

17/02/2017 - A Federação Norte-riograndense de Futebol abriu inscrições para o Curso de Formação de Árbitros, que será desenvolvido pela Escola de Formação de Árbitros de Futebol (EFAF/RN).

As inscrições poderão ser feitas até o dia 28 de fevereiro na sede da federação que fica no 1º andar do Edifício Tawfic Hasbun, na Avenida Prudente de Morais 4283, bairro de Lagoa Nova, em Natal.

O horário de atendimento é de segunda a sexta das 13h às 17h. São necessários cópia e original do RG, CPF, comprovante de residência e uma foto 3x4, além do valor da matrícula que é de R$ 100 reais. Mais informações pelo telefone (84) 3211 6717.

 
Classificação de árbitros
 

25/01/2017 - A CBF deve implantar neste ano uma nova divisão para os árbitros de futebol e as categorias devem ser reduzidas em relação aos níveis atuais. Até o ano passado, os árbitros e assistentes eram divididos em sete categorias: Máster, Árbitro FIFA, Especial, Aspirante FIFA, CBF 1, CBF 2 e CBF 3. Na nova classificação a ser implementada, serão apenas quatro níveis: FIFA, Seleção A/B, Seleção C/D e Seleção Intermediária.

Os valores que serão pagos para cada categoria ainda não foram divulgados. Nos jogos do Brasileirão de 2016, os árbitros FIFA ou máster recebiam R$ 3.850 por partida, enquanto que os assistentes ficavam com R$ 2.300. Já os árbitros nível CBF recebiam entre R$ 1.300 e R$ 2.620, e os auxiliares entre R$ 1.150 e R$ 1.750.

 
Curso de árbitros em Peruíbe
 

08/01/2017 - A Associação de Árbitros de Itanhaém/SP (AAFI) em parceria com o Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo (SAFESP) realiza Curso de Formação de Árbitros de Futebol em Peruíbe/SP a partir do dia quatro de fevereiro. As aulas da turma Fábio de Souza Nascimento seguem até o dia 4 de março das 8 às 18hs ao custo de duzentos reais divididos em duas parcelas, a primeira no ato da inscrição e o restante na primeira aula.

O curso contará com palestrantes da FPF e CBF. A cerimônia de diplomação será realizada às 19hs do dia 10 de março.

Inscrições abertas. Maiores informações com Naildo Maciel no contato (13) 99738:7447

 
Ferj avalia como ‘inviável’  árbitro de vídeo
 

06/01/2017 - O custo tido como “inviável” para um torneio estadual é a explicação da Federação de Futebol do Rio (Ferj) para não investir na implementação do árbitro de vídeo já no Carioca deste ano. A entidade avalia ainda que as polêmicas no Mundial de Clubes da FIFA mostrou que há ainda falhas para serem corrigidas no uso da tecnologia.

Apesar dos primeiros testes, o árbitro de vídeo só deve ser adotado definitivamente nas regras de futebol pela International Football Association Board (IFAB), órgão responsável pelas normas da bola, em 2019. Segundo cálculo da CBF, o valor para a implantação do sistema no futebol brasileiro seria de cerca de R$ 15 milhões.

Por outro lado, a Ferj decidiu nesta semana arcar com parte dos gastos para ter novamente árbitros assistentes atuando atrás dos gols, que ficaram dois anos sem serem utilizados no futebol brasileiro.

 

 


Fechar

Publicidade

Copyright © 2009     www.apitonacional.com.br ® Todos os direitos reservados

Publicidade